Música no Museu apresenta “Brinquedos Cantados”


O projeto Música no Museu, que há 24 anos desenvolve programas gratuitos dedicados à música clássica, vem se reinventando e inicia um novo momento em sua programação sem sair do seu foco principal. O Música no Museu vai lançar no dia 13 de agosto um musical inédito, com a participação de músicos e atores, para crianças e adultos que apreciam a cultura popular brasileira. Depois do sucesso do Oficina +60, oficina virtual de música (interrompida em 2019 em função da pandemia) voltada para o público da 3a idade com o objetivo de retardar doenças cognitivas, o Música no Museu se volta agora para as crianças com o programa “Brinquedos Cantados” em parceria com o “Céu na Terra”, núcleo de cultura popular dedicado ao público infantil.


Devido à pandemia da Covid-19 e aos espaços ainda não liberados, o musical, que era previsto inicialmente para ser realizado em espaços tradicionais da série “Música no Museu” e em escolas, vem sendo produzido especialmente para as plataformas digitais. Desde o inicio da pandemia todos os eventos musicais promovidos pelo “Música no Museu” aconteceram de forma virtual. Isso inclui as apresentações do RioHarpFestival - Festival Internacional de Harpas, o RioWindsFestival - Festival Internacional de Sopros e “Os Imortais da Música Brasileira e os Gênios Internacionais”.


Brinquedos Cantados

Programa exclusivo que será apresentado em três capítulos de histórias independentes com um final único. A partir do “Balaio de Histórias”, “As duas mulheres e o Céu” - um conto de origem africana -, “Auto do Boi da Lua” - bumba meu boi tradicional -, e “Marinheiro Manuel” - conto de histórias de mar -, cada capítulo terá a duração de vinte minutos. Diversão certa para toda a família.


“As duas mulheres e o Céu” é um conto de origem africana em que duas mulheres de uma tribo africana, que usavam o pilão para moer seus grãos e depois maceravam, contam suas histórias para as crianças da aldeia. Porém como o céu, naquele tempo, era muito baixo, elas acabaram furando o pano do Céu dando origem às estrelas do firmamento.


“Auto do Boi da Lua”: o Coronel, dono da fazenda, sai em viagem e deixa o Boi da Lua, seu boi preferido, para seu vaqueiro de confiança, Pai Francisco, tomar conta. Só que a sua mulher, Catirina, está grávida, cheia de desejos e acaba convencendo Pai Francisco a tirar a língua do boi para ela comer. O boi acaba recebendo a visita inesperada do saci. O Coronel volta de viagem e vê o Boi da Lua caído e busca uma solução para levantar o animal. A solução vem da mandinga da curandeira Margarida de Colocó, que coloca as coisas no seu devido lugar e faz o Boi da Lua finalmente levantar.


“Marinheiro Manuel” é um conto inspirado nas Marujadas e nas Naus-Catarinetas. A história fala sobre o desejo incontido do Menino Manuel pelo mar. A fim de se tornar marinheiro, ele é atraído pelo imaginário, pelas aventuras e pelos perigos que cercam os navegantes. A jornada se desdobra nas diferentes etapas de uma dobradura de barco de papel enfrentando os perigos do mar e as tempestades


SERVIÇO:

Espetáculo “Brinquedos Cantados”

Temporada: 20, 27 de agosto e 4 de setembro de 2021

Dia 20/08 – “Auto do Boi da Lua”

Dia 27/08 – “Marinheiro Manuel”

Dia 04/09 - Apresentação dos 3 programas em sequência, formando um programa de 60 minutos e exibido pelos canais do “Música no Museu” e “Céu na Terra”.

Horário: 16h00

Duração: 20 minutos

Transmissão:

- Canal Música no Museu, no site www.musicanomuseu.com.br

- Rádio Música no Museu, no www.radiomusicanomuseu.com

- Redes sociais do Música no Museu