Coluna "Turismo": Costa das Baleias

(publicada na edição 396)

Parte 2

Olá leitores da coluna Vamos com o Guia Valle. Como estamos em plena primavera, vamos aproveitar essa linda estação para conhecer a Costa das Baleias, no sul da Bahia, através das cidades de Caravelas, Alcobaça, Prado e Cumuruxatiba. Nosso passeio será de carro para que você aproveite melhor essa inesquecível viagem.


Essa região é um verdadeiro paraíso e é nessa época, de julho a novembro, que milhares de baleias jubartes vindas da Antártida se aproximam da região para se acasalarem e reproduzirem. Toda a costa é cercada pelo mar azul e límpido, com águas mornas, recifes, corais e uma deliciosa culinária farta de peixes e frutos do mar.


Para os que preferem viajar de carro, basta pegar a BR101, direção norte. Na cidade de Teixeira de Freitas (BA), pegue a BA290 em sentido Alcobaça. São aproximadamente 980km do Rio que podem ser divididos em dois dias pernoitando em Vitória ou Linhares, ambas no Espírito Santo. Para os que preferem o trajeto de avião, o aeroporto mais próximo é o de Porto Seguro. Alugue um carro e siga pela BR101, direção sul, até a cidade de Itamaraju. De lá, siga pela BA489 em sentido Prado. São aproximadamente 210km. Existem traslados particulares ou táxi a partir de Porto Seguro, mas para quem quer rodar pela costa, o melhor é dirigir o próprio veículo.


Bem, agora que todos já sabem como chegar nesse paraíso, vamos nos hospedar e conhecer um pouco de cada cidade da Costa das Baleias, lembrando que é de Caravelas, nossa primeira visita, que saem os barcos para o arquipélago de Abrolhos, conhecido pelos indescritíveis mergulhos e observação das baleias. Todos preparados? Então vamos com o Guia Valle.

A cidade de Caravelas é um dos mais antigos marcos da colonização portuguesa, datada de 1503, por Américo Vespúcio. O centro histórico ainda guarda os casarios coloniais com seus azulejos portugueses e de Macau, com as fachadas marcadas pelas “eiras e beiras”. Às margens do Rio Caravelas, a cidade também é conhecida por suas festas religiosas que atraem centenas de religiosos. Para conhecer melhor a região, você pode contratar um barco e fazer passeios até Coroa da Barra e observar os manguezais da Ilha da Caçumba.


Se você gosta de turismo náutico ou mesmo passar um dia no arquipélago de Abrolhos, Caravelas é o ponto mais próximo do continente. Batizado como Parque Nacional Marinho dos Abrolhos, criado em 1983 e localizado a cerca de 70km da costa, é a região com maior biodiversidade marinha do Atlântico Sul. Além da observação das baleias, o local possui diversos sítios para mergulho com recifes, corais, cavernas submarinas, além de vasta fauna e flora, sem falar na grande variedade de aves que habitam. Existe um centro de visitantes que possui monitores para informar sobre os atrativos naturais de Abrolhos.


Para os amantes da natureza, existem mais dois programas sensacionais: o Projeto Manguezal e a Reserva Extrativista (RESEX) do Cassurubá. Entre os municípios de Caravelas e Nova Viçosa (BA), encontra-se uma das maiores e mais importante área de manguezal do Brasil, considerada berçário natural para a sustentabilidade da biodiversidade marinha. Já o RESEX do Cassurubá, é uma unidade de conservação com objetivo principal de proteger os meios de vida e a cultura do povo ribeirinho (pescadores artesanais). A região se destaca pela beleza das praias, rios, manguezais, restingas e cultura do povo.


Bem, agora que todos aproveitaram bastante, vamos terminar essa primeira parte por aqui. Na próxima edição vamos conhecer as cidades de Alcobaça e Prado. Para reservar hotel, pousada, passeios e a parte aérea, caso seja sua opção, procure uma das agências de viagens anunciantes dessa coluna. Então.... até a próxima edição!

Dicas:

• Para conhecer o Arquipélago de Abrolhos procure agências credenciadas em Caravelas. A Horizonte Aberto – Tel. (73) 3297-1474 ou (73) 8812-4678 - e a Apecatu - (73) 3297-1751 - são especializadas, sendo que a Horizonte Aberto possui o passeio de um dia.

• Existem diversas pousadas na cidade. O melhor é procurar uma agência de viagens e se informar.

• Para ter mais informações sobre a RESEX Cassurubá, ligue para (73)3297-1866 ou (73)9122-1609. lembre que os passeios devem ser marcados com antecdência.

• O Instituto Baleia Jubarte fica em Caravelas na Rua Barão do Rio Branco, 26. Vale a pena conhecer essa organização que tem como missão “conservar as baleias jubarte e outros cetáceos do Brasil”.