Centro Luís Gonzaga de Tradições Nordestinas (Pavilhão de São Cristóvao)


Entrada da Feira da São Cristóvão
Entrada da Feira da São Cristóvão

O Centro Luís Gonzaga de Tradições Nordestinas, popularmente conhecido como "Feira de São Cristóvão" ou "Feira dos Paraíbas", abriga um pedaço do nordeste no histórico bairro de São Cristóvão, no Rio de Janeiro. O local, como se apresenta hoje, foi inaugurado em 2003 - apesar de existir desde 1962 - e nomeado em homenagem ao Rei do Baião, Luíz Gonzaga. Na década de 1940, o desenvolvimento que sobreveio à região do Rio de Janeiro atraiu um grande número de nordestinos que buscavam por melhores condições de vida. É dessa época que datam as primeiras manifestações desse povo no bairro de São Cristóvão, com o objetivo de manter vivas suas tradições culturais e relembrar sua terra natal. Mais tarde, foi organizado um espaço para que se organizassem dentro de um Pavilhão originalmente construído a fim de abrigar a Exposição Internacional de Indútria e de Comércio. No entanto, a decadência desse ramo e a paralela popularização das manifestações nordestinas ao redor do Campo de São Cristóvão, levaram a prefeitura a delegar esse espaço para o fim de abrigar o pólo de cultura regional. Após um incêndio que depredou boa parte de todo o patrimônio, em 2003, a Prefeitura do Rio reformou toda a estrutura do local. Hoje, o Centro abriga cerca de 700 barracas fixas, onde se pode encontrar uma grande variedade de atrativos, como comidas típicas, artesanato, trios e bandas de forró, dança, cantores, poetas populares, repente e literarura de cordel. A infra-estrutura do local ainda oferece cerca de 35 restaurantes, banheiros públicos, estacionamento, lojas de artesanato e palcos para shows onde há sempre uma atração sendo apresentada.

Fontes: In: http://www.wikirio.com.br/Feira_de_S%C3%A3o_Crist%C3%B3v%C3%A3o_-_Centro_Luiz_Gonzaga_de_Tradi%C3%A7%C3%B5es_Nordestinas In: http://pt.wikipedia.org/wiki/Centro_Luiz_Gonzaga_de_Tradi%C3%A7%C3%B5es_Nordestinas In: http://www.feiradesaocristovao.org.br/#!histrico/cty2